Girão da Série C #07: Poucos gols, times decepcionando, Ituano e Paysandu bem!

Jorge Luiz/ Ascom Paysandu
254

Opa, senhoras e senhores, chegando com mais um girão da Série C. Uma primeira rodada da 2ª fase de poucos gols: foram somente 6 em 4 jogos, o que dá uma média de 1,5 gol/ jogo. Alguns times, como é o caso de Ituano e Paysandu, confirmaram a boa fase enquanto outros decepcionaram na estreia, como foi o caso de Londrina e Santa Cruz. Sem mais enrolação, bora lá!

Leia mais:

 

LONDRINA 0 X 0 REMO 

    Os dois times fizeram um bom 1º tempo, com chances para ambos os lados. O Londrina mais com a bola, tentando pressionar e o Remo se defendendo bem e agredindo também. O segundo tempo foi diferente, com os dois clubes perdendo intensidade e, no final, o empate foi justo pelo que ambos apresentaram.

    O Londrina precisa ficar de olho se quiser se classificar. O desempenho em casa era o fator que fazia o Tubarão ser candidato ao acesso. Com o empate, o Londrina vai precisar pontuar fora de casa, o que se mostrou ser muito complicado, já que o time tem um aproveitamento de somente 14,8%.

    • Próximo confronto: Ypiranga (F)

    Pelos lados do Remo o empate foi comemorado, ainda mais porque o time não tomou gols. Agora, o Leão Azul sofre de inconstância durante a partida. Jogando fora de casa tem uma postura muito reativa, o que não funciona contra clubes que não jogam tão bem no ataque, como é o caso do Londrina. Não perder fora é importante, assim como ganhar em casa, que é o que o Remo precisa para encaminhar o acesso.

    • Próximo confronto: Paysandu (C)

     

    PAYSANDU 2 X 1 YPIRANGA

    Paysandu e Ypiranga fizeram um confronto bem equilibrado. O Papão começou com tudo e parecia que iria dominar a partida, abafando o time do Rio Grande do Sul com muita intensidade, marcação alta e jogadas rápidas pelas laterais. Após fazer o gol, no entanto, o time deu uma recuada e viu o Ypiranga crescer na partida.

    O Canário empatou e vinha melhor, até termos o lance polêmico que definiu o confronto: o juizão Leo Simão Holanda marcou de forma equivocada um pênalti do goleiro Deivity em Juninho. No segundo tempo, o Ypiranga até pressionou, mas não conseguiu furar a marcação.

    O Paysandu fez um jogo muito bom no começo, mas com a saída de Uchôa (provavelmente fora dos próximos jogos por uma lesão no púbis) o time perdeu muita consistência no meio, ficando sem poder de transição nas jogadas.

    • Próximo confronto: Remo (F)

    Precisando ganhar em casa para buscar o acesso, o Ypiranga não fez um jogo ruim, mas o time precisa consertar os espaços que deixa nas laterais caso queira tomar menos gols e assim se tornar mais competitivo. Tem como ponto forte o ataque, que tem funcionado bem.

    • Próximo confronto: Londrina (C)

     

    BRUSQUE 0 X 0 SANTA CRUZ 

    Os dois times fizeram um jogo bem abaixo do esperado em Santa Catarina. Faltou mais poder criativo e, no final das contas, um pouco de vontade de ambas para que o resultado não fosse esse 0 a 0. Com isso, as duas equipes seguem com a sequência sem vitórias: 8 pelo lado do Brusque e 4 pelo lado do Santa Cruz. Como o campeonato é curto, ambos precisam voltar a ganhar para chegarem à Série B.

    Fazendo uma campanha pífia desde o 2º turno do campeonato, o Brusque precisa reencontrar o bom futebol. Para isso, a defesa que foi ponto alto do clube durante a campanha histórica nas primeiras 9 rodadas tem que melhorar. O time hoje é muito espaçado em campo, não tem as linhas compactas, o que facilita a ação dos adversários.

    • Próximo confronto: Ituano (F)

    O Santa Cruz ainda é um dos favoritos ao título da competição, porém, as atuações desses últimos 4 jogos tem deixado a desejar. Vou mais longe: mesmo com a ótima campanha do clube, que em determinado momento emendou 7 vitórias seguidas, o Santa Cruz não desempenha um grande futebol na Série C. Pelo elenco, dava para jogar mais. A receita é quase sempre a mesma: zaga bem postada e um meio campo que tenta ficar mais com a bola e dominar a partida. No geral, tem dado certo, mas o time precisa voltar a vencer logo para de fato começar a carimbar a vaga para a Série B.

    • Próximo confronto: Vila Nova (C)

     

    VILA NOVA 1 X 2 ITUANO

    Tivemos um jogão de bola no encerramento da primeira Rodada. O Vila Nova começou bem demais e por 15 minutos dominou a partida, fez o seu gol e dava mostras de que o 2º estava próximo. Até aí o Ituano não conseguia jogar.

    Porém, em uma falha extremamente juvenil de Adalberto e Fabrício, a bola sobrou livre para que o Ituano empatasse. A partir daí tivemos outro jogo, com um Vila Nova extremamente inoperante e sem intensidade. O Tigrão sentiu demais o gol. O Ituano foi melhor durante o resto do jogo e conseguiu a virada em um golaço de FIlipe Souto.

    Para o Vila Nova, a derrota foi um péssimo jeito de começar esta fase. Até porque o Ituano, ao lado do Santa Cruz, são os seus dois grandes concorrentes na luta pelo acesso. O time tem muita dificuldade para criar jogadas quando encontra uma marcação mais encaixada, o que o faz depender de uma transição mais veloz. Quando isso não dá certo, o Vila Nova não consegue criar jogadas.

    • Próximo confronto: Santa Cruz(F)

    O Ituano é o time que vem apresentando o melhor futebol nas últimas rodadas. Equilibrado, tem um sistema defensivo que sabe diminuir espaços, ao mesmo tempo em que conta com um ataque muito rápido. Com essa vitória fora de casa, o time dá um salto na busca pelo acesso, mas precisa fazer a lição dentro de casa.

    • Próximo confronto: Brusque (C)

    E aí, concorda com as nossas análises? Comente aqui embaixo! Não esquece de seguir o Chama o VAR pelo Twitter e também pelo Instagram. Toda terça nós postamos um novo episódio do nosso podcast, onde fazemos uma análise aprofundada de toda a rodada e fazemos as projeções para os próximos jogos, nesta semana com um enfoque especial no RePa. Fique ligado!

    Comentários