Vamos colocar o gol de Olivera na final do prêmio da Fifa!

0 48

Nem Ibra, nem Neymar. A escolha de todo torcedor brasileiro na votação do Prêmio Puskás, que elege o gol mais bonito da temporada, deveria ser Juan Manuel Olivera, o uruguaio do Náutico. O balaço de fora da área dado por ele no clássico com o Sport pela Copa Sul-Americana pode não ter sido o mais bonito, mas é inegavelmente o mais significativo – e nós vamos explicar o por quê.

Se fossemos pelo critério de beleza, estaríamos aqui fazendo campanha para eleger Everton Ribeiro – talvez nem fosse preciso fazer campanha para tal obra-prima. Mas a Fifa fez o favor de sequer relacionar o gol do jogador do Cruzeiro, então vamos considerar que a escolha não passa por este argumento. Isto posto, vamos a lista de motivos para VOCÊ votar em Olivera. Sem dúvida, depois de ler, seu próximo clique será no nome dele dentro do site da Fifa.

1) Selo Maradona de qualidade

Juan Manoel Olivera é uruguaio, tem 32 anos e já defendeu 11 times de 10 países diferentes. É ídolo do Peñarol, tendo sido artilheiro do time na Libertadores 2011, mas também já foi campeão nacional no Paraguai e no Chile. Foi treinado (e elogiado) por ninguém menos que Diego Maradona no Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos. No Brasil, chegou em junho para defender o Náutico, mas foi recentemente dispensado pelo time pernambucano, que o impediu de entrar nas dependências do clube para manter a forma. Vergonha, Timbu!

2) Um “nordestino” como melhor da Fifa?

Queira ou não, Olivera ainda é jogador do Náutico. Segundo seu empresário, ele tem contrato até maio de 2014 e quer cumpri-lo, mesmo já tendo sido colocado na lista de dispensas para a próxima temporada. Além disso, anotou o gol pré-selecionado vestindo a camisa do clube pernambucano, bateu no escudo do clube durante a comemoração e, assim, levou o nome do time, do Nordeste e do Brasil para o mundo todo. Imagina então qual será a repercussão se ele for anunciado como um dos três finalistas?

3) Um intruso entre os grandes

Olivera quer ir a Zurique. O atacante já declarou que deseja estar presente na festa da Fifa e só conseguirá se estiver entre os três finalistas do Puskás. “Depois de um semestre que não foi muito bom, ganhar uma indicação dessas mostra um pouco da sua qualidade como jogador”, declarou. Já pensou ver Olivera ao lado de Neymar e Ibrahimovic, agradecendo o Uruguai e Pernambuco em cima do palco?

E aí, bora votar e colocar Olivera entre os finalistas do Puskás? É só clicar no vídeo abaixo (ou neste link) e votar no final da exibição. Como só é permitido um voto por pessoa, avise os amigos e faça também a sua campanha por Olivera na final do prêmio Fifa. Seria massa, não?

IMPORTANTE: Parafraseando Galvão Bueno, informamos que a geração reprodução das imagens acima não são de nossa responsabilidade. A Fifa, além de mudar leis do país a seu favor, também impede que outros sites insiram seus vídeos, obrigando o pobre torcedor a gastar cliques até achar o conteúdo que deseja. Para que este fato não o desanime a votar, disponibilizamos o link direto para o gol do Olivera, prontinho para ganhar seu voto: http://youtu.be/xcnRW5Ug0II (o link para votar está no final do vídeo, à esquerda). E vamos colocar o #OliveraNoPremioFifa!

Compartilhe o selo abaixo nas redes sociais:

olivera-puskas-v2

Esta é uma campanha dos sites Última Divisão (www.ultimadivisao.com.br) e Verminosos por Futebol (www.verminososporfutebol.com.br). Acompanhe as novidades da campanha e muito conteúdo bacana sobre futebol em nossas páginas no Facebook (/ultimadivisao e /verminososfutebol) e no Twitter (@UltimaDivisao e @Verminosos).

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...