Três times demitem técnicos mesmo com vitórias na Série D

0 297

A troca de técnicos tem chamado atenção na Série D. Aconteceram várias demissões após poucos jogos e sem muitas explicações. Infelizmente são coisas comum no futebol brasileiro. Porém, nessa rodada aconteceram coisas incomuns: 3 técnicos saíram após vitórias dos times. Como justificativa, teve briga feia, desentendimento interno, problema com visto…

Mas a 6ª rodada da Série D também teve seus momentos curiosos de sempre, como o volante que foi improvisado como goleiro, por causa da dor de barriga de um companheiro. E teve qualidade, com os artilheiros da vez: Whattimen e Alisson (Joinville), que fez 4 gols em um jogo. Veja isso e muito mais no resumão da rodada.

Trocas de técnico

Lamentei muito a saída do técnico do Vitória da Conquista, Joaquín Monasterio, porque era um trabalho bem alternativo: o time apostou em um boliviano pouco conhecido e teve bons resultados. Mesmo com um surto de covid-19, conseguiu 10 pontos e lidera o Grupo 4. Derrotou o Itabaiana na quarta-feira. O problema é que ele não conseguiu visto de trabalho e teve que ser trocado.

Outro técnico que estava indo bem era Adelmo Soares no Afogados. Conseguiu 3 vitórias e estava no G4. Venceu o jogo contra o Atlético-PB na quarta-feira. Mas logo depois da partida houve uma confusão no vestiário, dentro da comissão técnica, que resultado na demissão. Já surgiram boatos de que teve briga mesmo, com agressões inclusive. Higor César já foi anunciado como substituto.

O Rio Branco também demitiu um técnico após vitória. Celso Teixeira estava no G4, com 3 vitórias e 3 empates. Goleou o Ji-Paraná por 4 a 1 na quarta-feira. Mas desentendimentos com a diretoria causaram a saída.

Estamos fazendo a lista de troca de técnicos na Série D, mas tá difícil acompanhar a movimentação. Agora já são 19 trocas de técnico em 6 rodadas: Afogados, Águia Negra Atlético-AC, Bahia de Feira, Baré, Ferroviária, Goiânia, Guarany de Sobral, Independente, Marcílio Dias, Moto Club, Nacional-PR, Portuguesa-RJ, Rio Branco, São Caetano, Sinop, Toledo, Vitória-ES e Vitória da Conquista

Diretoria corneta

Já que estamos sem torcida nos estádios, tem diretoria indo pra arquibancada pra criticar os jogadores.

Goleiro improvisado

O Santos-AP deu muito azar contra o River-PI. No 1º tempo, o goleiro titular machucou, o reserva teve infecção intestinal e assim um volante foi pro gol. Ele sofreu 2 gols, mas não teve culpa.

Quatro gols

Alisson, de 24 anos, foi o craque da rodada. O jogador do Joinville marcou 4 vezes contra o Tubarão, na goleada por incríveis 6 a 1. E poderia ter sido mais histórico, porque Alisson ainda deixou o companheiro Davi Lopes bater o segundo pênalti do jogo. Humilde!

Agora ele e Watthimen são artilheiros da Série D, com 5 gols.

Outras curiosidades

Aliás, os jogadores do Central fizeram greve no treino de quinta-feira, por causa do atraso no pagamento de salários. Tem jogador que não recebe há 4 meses. Eles ameaçam não disputar a próxima rodada se não houver um acerto financeiro.

E esse gol perdido pelo Raykard, do Baré? Não honrou o nome – que certamente é uma homenagem ao Frank Rijkaard, holandês bom de bola.

Bare Gif Downsized Large