Superação do Gama e torcida no trio elétrico são destaques da rodada na Série D

Vitor Nicchio/Vitória FC
0 192

A 4ª rodada da Série D teve muitos detalhes que a gente gosta: história de superação, torcida dando show, conhecidos se destacando, apelidos engraçados e resultados surpreendentes.

Gama sobrando

O Gama se firmou como o melhor time da Série D por enquanto. A equipe derrotou a Caldense por 5 a 0 e virou a única com 100% de aproveitamento até agora. E o mais impressionante é que tem jogadores sem receber salário há OITO meses.

A vitória teve curiosidades. Primeiro porque, dos 5 gols, 4 foram marcados de cabeça. E depois porque um desses gols foi marcado Rambo, o matador do Gama hahaha…

Vitória do Vitória

O Vitória-ES venceu pela primeira vez na Série D 2020. Derrotou o Operário VG por 2 a 1, em um jogo cheio de curiosidades. Já começa pela torcida, que alugou um trio elétrico pra ficar acima do muro e ver o jogo. E essa torcida acabou vendo uma vitória decidida nos acréscimos, com gol de Tony Galego, que se enroscou na rede. Ele deu um peixinho e foi pescado. É curioso ver todos festejando a vitória por 2 a 1, enquanto o Galego sofre pra se soltar. Veja fotos e vídeos de tudo isso no post que fizemos no Instagram. É só passar pro lado.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Última Divisão (@ultimadivisao) em

Jogão: Baré 2 x 3 Sinop

Provavelmente foi o melhor jogo da rodada. Sempre que o Sinop ficava na frente, o Baré buscava o empate. Porém, na terceira vez, não deu tempo. Robinson, autor de 2 gols no jogo, marcou nos acréscimos e definiu a vitória surpreendente do Sinop.

O mais curioso é que o Sinop conseguiu isso com um técnico “improvisado”: Gabriel Ferri, que é dirigente, assumiu como técnico interino e superou o time do legendário Aderbal Lana, do Baré, de 73 anos.

Aliás, é impressionante reparar como tem técnico caindo na Série D em tão poucos jogos…

Gol do Jobson

Depois de 3 rodadas saindo do banco de reservas, Jobson teve a primeira chance como titular no Campinense. E soube aproveitar, pois fez gol. Mas o time empatou por 1 a 1 com o Floresta e ficou fora do G4.

Whattimen artilheiro

Tivemos mais um gol do folclórico Whattimen nessa rodada. Ele participou de uma das melhores atuações: o Ji-Paraná derrotou o Bragantino-PA por 4 a 0.

Agora a Série D tem 4 artilheiros com 4 gols: Whattimen (Ji-Paraná), Gustavo Coutinho (Cabofriense), Eduardo (Goiânia) e Klenisson (Altos).

Outras curiosidades