“Quem é que soooobe?”

0 36

Neste final de semana, começam as quartas-de-final da reformulada Série C do Brasileirão. Em seu novo formato, a competição deveria servir para dar mais calendário e projeção a equipes que não disputam competições de maior atenção – caso das Séries A e B do Campeonato Brasileiro. Porém, até aqui, já temos quatro equipes rebaixadas e outras oito sem atividades até o final do ano. E dentro de duas semanas, já teremos quatro promovidos para a Série B e quatro equipes sem atividades até dezembro.

Críticas à parte ao formato da Série C, decidimos publicar aqui no Última Divisão um pequeno guia das quartas-de-final. No formato “pitacão”, colocamos aqui os palpites de cada um dos responsáveis por este blog – e, de certa forma, apresentamos com alguma superficialidade um panorama dos times que seguem na disputa pelo acesso. Aí, todo mundo pode também arriscar um palpite – aliás, o espaço para os comentários está aí para isso!

Apenas para explicar o regulamento desta fase meio por cima: é igual ao da Copa do Brasil. Gol fora de casa vira critério de desempate, e as campanhas na primeira fase não serão levadas em conta. Em caso de empates pelo mesmo placar (ou de vitórias “alternadas” dos dois times pelo mesmo placar), teremos pênaltis.

Enfim, vamos aos nossos palpites:

Guaratinguetá x Caxias
Emanuel: Caxias – Não vi os jogos do Guará, mas tenho a impressão de que o time ainda não tem um elenco entrosado depois do rebaixamento no Paulistão. Parece que passou pela primeira fase na sorte. O Caxias, em compensação, vem bem em 2009.
Julio: Guaratinguetá – Frisando que não estudei a história de ninguém. Fui pelo coração: Guará, a Garça, voa mais alto.
Allan: Caxias – Além de assinar embaixo no que o Emanuel escreveu, ressalto que a estrutura do Caxias, desde as categorias de base, tem evoluído bastante. Deve passar…
Fellipe Igor: Caxias – Os dois se classificaram em grupos equilibrados e o Guará ainda superou em rebaixamento, mas o elenco do Caxias é mais experiente e isso pode fazer a diferença.
André: Caxias – Como o Emanuel escreveu, o rebaixamento deixou uma péssima impressão do Guará.
Diego: Caxias – O Julio é o único que aposta no Guará, por motivos emocionais. Mas o time gaúcho é melhor. Não é grande coisa, mas tem o Rafinha (um que esteve no Corinthians ano passado), que faz a diferença na Série C.

Brasil de Pelotas x América-MG
Emanuel: América-MG – Brasil vai bater na trave de novo. Nada mal pra quem era apontado como candidato ao rebaixamento. Além disso, o América – que conta com Zé Eduardo, o talento promissense – merece pela recuperação dos últimos dois anos.
Julio: Brasil de Pelotas – Por Claudio Milar, Brasil! Sem mais!
Allan: Brasil de Pelotas – Lembro desse Zé Eduardo. Por causa dele, não voto no América. E por causa do Millar, voto no Brasil. Mas aqui é mais torcida do que palpite, no fundo.
Fellipe Igor: América-MG – O Brasil mudou em relação ao Gauchão, e a reformulação foi muito bem feita. Mas tive a chance de acompanhar a campanha do América no Mineiro, quando o time tava com praticamente o mesmo elenco, e a diferença do time depois da chegada do Givanildo é gritante. Acredito na competência do sujeito.
André: América-MG – O Coelho saltará mais alto. Sem o Millar, o Brasil perde muito do seu poder de decisão.
Diego: América-MG – As campanhas são idênticas, mas o Brasil já fez mais do que se esperava.

ASA-AL x Rio Branco-AC
Emanuel: Rio Branco-AC – Pelo papo furado de estrutura, pela boa campanha do ano passado e pelo rival que pegou.
Julio: Rio Branco-AC – OK, não sabia pra onde chutar e chutei o Rio Branco, só porque eles tem uma arena.
Allan: Rio Branco-AC – Pegou adversários mais difíceis, está mais pronto.
Fellipe Igor: Rio Branco-AC – O ASA foi segundo no grupo mais fraco da competição. O Rio Branco deixou pra trás dois campeões estaduais, um time que ganhou do Fluminense e um clube tradicional do Nordeste – tá, hoje em dia isso não significa tanto…
André: ASA-AL – Um dos grandes times da história do nosso futebol. Pelo menos, na última vez em que ouvi falar dele, foi muito bem…
Diego: Rio Branco-AC – Por já ter batido na trave algumas vezes e por ter ele, Testinha! O ruim é que ganhou todas em casa, mas perdeu todas fora. Aí, decide no saldo.

Paysandu x Icasa
Emanuel: Icasa – A boa campanha na primeira fase e a passagem pela Lusa na Copa do Brasil serão lembradas depois desta zebra, rebaixada no Estadual. Aí, dá-lhe conversa sobre decadência/estrutura/organização do Paysandu.
Julio: Paysandu – Pelo sufoco pra chegar até aqui, Paysandu sobe.
Allan: Icasa – Pela campanha na Copa do Brasil, deve ter alguma qualidade ainda.
Fellipe Igor: Paysandu – Se tradição não conta, torcida ao menos ajuda, e o Paysandu tem de sobra. E repetindo discurso: o Paysandu tem jogadores rodados, enquanto no Icasa é a chance da vida dos caras. Acredito em uma amarelada cearense.
André: Paysandu – Há anos venho apostando no retorno da força do Papão. E dessa vez vou continuar com ele. “Uma listra branca, outra listra azul. Essas são as cores do Papão da Curuzu!”
Diego: Icasa – Pelo que vi da campanha na Série C, mais a Copa do Brasil, acho que vai como favorito.

(O título deste post ficou bem parecido com o do Balípodo. Mas juro que já havia sido pensado!)

Update 1

Com algum atraso, postamos aqui nossos palpites para as semifinais. Se tudo der certo, vamos postar também os das finais.

Mais uma vez, contamos com os palpites de vocês.

América-MG x Guaratinguetá
Emanuel: América-MG – Um candidato ao título contra um time que, ainda que com alguma competência, parece mesmo ter subido na sorte. Dá Coelho!
Julio: Guaratinguetá – Embora tenha gente por aí que ainda duvide da força que vem do Vale do Paraíba, reafirmo: a Garça vai voar mais alto. De novo.
Allan: América-MG – Os dois me surpreenderam nas quartas, mas acho que fiquei mais confiante no Coelho.
Fellipe Igor: América-MG – O título é questão de honra pra torcida americana, e acredito que o time tenha bola o suficiente pra consegui-lo. Do Flávio ao Bruno Mineiro, todos parecem estar suficientemente entrosados.
André: América-MG – Com todo respeito ao meu grande amigo Julio Simões, acho que essa Garça já voou por demais. Já deu o que tinha que dar. O Coelho vai virar essa semifinal e se classificar em casa.
Diego: América-MG – O futebol mais bonito da Série C, a vitória do futebol arte de Irênio e Euller.

ASA x Icasa
Emanuel: ASA – Puta confronto escroto! Mas o ASA parece menos ruim – e olha que o Icasa vem do 6×2 em cima do Papão!
Julio: Icasa – O Icasa vem favoritaço depois de eliminar com maestria o pobre Paysandu. Não há ASA que resista.
Allan: Icasa – O ASA enfrentou um adversário mais fácil para chegar até aqui. Está mais preparado!
Fellipe Igor: Icasa – Não acreditei em nenhum dos dois na fase anterior e quebrei a cara. Confio mais no Icasa pela goleada aplicada no Papão, e a dupla Marciano e Pantico me parece ser bem mais ameaçadora do que Fábio Lopes e Nena.
André: ASA – Acredito em um duelo complicadíssimo. Mas algo me diz que a vitória do Icasa sobre o Papão foi muito fora da realidade. Mesmo com o jogo de volta no Romeirão, dá ASA.
Diego: Icasa – É mais time que o ASA, e ainda eliminou o Paysandu sem dó. Cresceu na reta final.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...