Por que existe um Boca Juniors em Gibraltar?

0 214

Publicidade

O futebol de Gibraltar chamou atenção recentemente após a inesperada vitória do Lincoln Red Imps sobre o Celtic por 1 a 0, em jogo válido pela fase eliminatória da Champions League. O jogo de volta, porém, terminou em 3 a 0 para o time de Glasgow.

Mas se o pequeno território britânico localizado ao sul da Espanha ainda está dando seus primeiros passos no futebol profissional – apesar da liga nacional existir desde 1905 –, é fato que o campeonato gibraltino tem os melhores nomes de times.

E entre Gibraltar United, Manchester 62, Lions Gibraltar e Bruno’s Magpies, há na segunda divisão um tal de Boca Juniors F.C. E não só o uniforme azul e amarelo se assemelham com o homônimo argentino, como o distintivo é praticamente o mesmo.

Mais alternativo do que isso é a história por trás da homenagem. Em entrevista à revista francesa So Foot, o fundador e ex-jogador Michael Podesta explicou por que afinal existe um Boca Juniors em Gibraltar:

“Meu pai, Lawrence Podesta, fez parte da fundação do time e foi nosso técnico na primeira temporada. Ele sempre foi fã do Boca Juniors. Ele amava Maradona e o futebol argentino em geral. Ele era tão apaixonado que quando treinava o juniores do Lincoln Red Imps, ele trocou o tradicional uniforme vermelho e preto pelo azul e amarelo do Boca sem consultar a diretoria.”

Anos depois, em 2011, quando voltou ao país após um período de estudos na Inglaterra, Michael e seus amigos decidiram montar um time de futebol.

“Então descobrimos que o primeiro gol em um jogo oficial da história do Boca Juniors foi marcado por Rafael Pratt. Um gibraltino!”

Outra coincidência: na partida em questão, contra o Belgrano Athletic Club em 1908, o goleiro da equipe Xeneize era José Bellocq, também nascido em Gibraltar. Para Michael, tudo estava estranhamente se encaixando demais e, assim, o time nasceu.

Apesar da homenagem, ele garante que não existe qualquer relação formal com o clube argentino. Eles nunca foram procurados e também nunca procuraram qualquer parceira. Por isso eles decidiram não usar uma cópia idêntica do uniforme boquense.

Mas isso não impede que os “hinchas” demonstrem admiração pelo irmão europeu. No Facebook do Boca Gibraltar não são poucas as mensagens de “Saludos desde Argentina” ou “Saludos desde Buenos Aires” nos comentários.

A questão é que se o Boca Juniors original já é um time consagrado e multicampeão, sua versão gibraltina ainda tem um longo caminho a percorrer. O time jamais disputou a elite do futebol nacional e para piorar, em 2013, após a UEFA aceitar Gibraltar como país-membro, a Premier League foi refundada para ficar mais competitiva e poder disputar competições europeias.

Questionado sobre o futuro do time, Michael Podesta é realista: “Ainda somos um time pequeno e temos muito o que fazer para chegar à primeira divisão. […] Mas, como diz Diego Simeone, estamos trabalhando jogo após jogo.”

Crédito: Stadium DB
Victoria Stadium não é a Bombonera, mas olha o visual (Stadium DB)
Você pode gostar também
Comentários
Carregando...