O que é que a Segundona 2013 tem?

0 135

Com colaboração de Matheus Trunk e Allan Brito.

A vida do torcedor do interior de São Paulo não está nada fácil. A Série B do Campeonato Paulista, último degrau do futebol profissional do estado mais rico da nação, começará neste fim de semana e nada menos do que nove dos 21 jogos acontecerão com os portões fechados. Segundo a Federação Paulista de Futebol, responsável pela gestão do torneio, a maioria dos clubes não conseguiu entregar todos os laudos técnicos para habilitar o campo de jogo no início das disputas.

Com tanto estádio interditado, fica a ideia criada pelo Triestina, da Série B italiana: colocar um painel com foto de torcedores nas arquibancadas para simular o estádio cheio.
Com tanto estádio interditado, fica a ideia criada pelo Triestina, da Série B italiana: colocar um painel com foto de torcedores nas arquibancadas para simular o estádio cheio – aconteceu em 2010.

Os documentos para aprovar um estádio são um caso à parte. Ao todo, o clube precisa entregar oito laudos conseguidos junto aos mais variados órgãos públicos: Prefeitura Municipal, Polícia Militar, Bombeiros, Vigilância Sanitária, etc. Imagine a burocracia que não enfrentam os dirigentes para conseguir tais papéis dentro do prazo, isso sem falar no custo desses processos, que certamente sobrecarrega os enxutos borderôs dos clubes pequenos, empurrando-os para dificuldades financeiras que podem até custar a participação em próximas temporadas. O torcedor, que não tem nada com isso, também paga ao ficar sem poder ver o time de sua cidade jogar.

Mesmo assim, há bons motivos para acompanhar o torneio. A Segundona, como chamamos carinhosamente, terá rivalidades antigas como a do Jabaquara com a Portuguesa Santista e novas como a do CA Diadema com o Água Santa, todas já na primeira fase. Sem contar que, dentro de campo, veremos atletas que já haviam deixado o futebol (ou a gente pensava que sim), caso do atacante Viola no Tanabi (o mesmo time que, ano passado, teve Tulio Maravilha por quatro jogos) e do goleiro Sérgio (ex-Palmeiras) no Taboão da Serra.

Outro destaque são os estrangeiros que, sabe-se lá por quê, aceitaram jogar na quarta e última divisão de um campeonato estadual do Brasil, como é o caso do chinês Zhang Zheng Yao no União Mogi e do colombiano Bismar Córdoba no ECUS – sem contar o mito japonês Kazu, ex-Santos, que negociava com o XV de Jaú no momento em que fechávamos essa reportagem.

O banco de reservas dos clubes da Segundona também terá nomes conhecidos, como é o caso de Ataliba, que fez sucesso no Corinthians e agora assume o CA Diadema, e Axel, que jogou no São Paulo e agora comanda o Jabaquara. Outros menos conhecidos como a técnica do Manthiqueira, Nilmara Alves, a única mulher a dirigir um time de futebol masculino no Brasil, e de China, atual campeão do torneio pelo Votuporanguense e agora técnico do Tupã, também são bons pontos a se observar no campeonato.

O único porém é que, por enquanto, alguns torcedores estão privados de acompanhar estes e outros destaques do torneio ao vivo, no estádio. Na primeira rodada, os jogos de dois grupos inteiros (1 e 7), por exemplo, não terão torcida. E na segunda rodada, mais 10 clubes não poderão contar com o apoio de seu torcedor (este número pode diminuir até a data do jogo, claro). Neste caso, não há apenas um vilão, já que clubes, federação e órgãos públicos têm sua parcela de culpa. Porém, como sempre, há apenas um grande prejudicado: o pobre torcedor do interior.

GRUPO 1

Araçatuba – A AEA aposta na tradição para conseguir o acesso na Segundona. A equipe será comandada pelo experiente técnico Lelo, ex-Internacional de Limeira, Linense, Penapolense, entre outros.

Bandeirante – O elenco do Leão da Noroeste é composto por 32 jovens atletas e a agremiação será dirigida pelo treinador Rubio Alencar.

viola-tanabi
Não bastou desfilar pela cidade de Tanabi em carro aberto. Viola teve que descer e pegar uma bicicleta para passear.

Fernandópolis – A Fefecê realizou diversos amistosos visando se preparar melhor para esta temporada. A pretensão da diretoria é o acesso para a Série A-3 de 2014. Porém, de última hora, trocou seu treinador: saiu Pinho por divergências com a diretoria, entrou Paulo César, ex-Taubaté. E agora?

Ilha Solteira – A estância turística de Ilha Solteira volta a ter um representante nas divisões oficial da Federação Paulista. Trata-se da Associação Esportiva Ilha Solteira que não disputa as competições profissionais da entidade desde 2010.

Tanabi – Em 2012, o Índio da Noroeste apostou em Túlio Maravilha como reforço. Esse ano a agremiação contratou outro veterano: o atacante Viola, ex-Corinthians, Santos, Palmeiras e Seleção Brasileira. (MT)

GRUPO 2

Assisense – Apoiado por empresários da cidade, o time de Assis conseguiu “repatriar” jogadores nascidos na cidade. É o caso do goleiro Marcelo Vidotti, que defendia a base do Flamengo, time em que atua seu irmão, o também goleiro Paulo Victor; e do meia Diego Manfio, que acumula passagens por Feirense-POR e Inter B-RS.

Grêmio Prudente – Jorge Parraga, que teve passagem pelo Palmeiras em 2010, é o comandante do time. Sua experiência em grandes clubes e com jogadores jovens (recentemente, dirigiu os juniores do Grêmio-RS) é a aposta da diretoria para o time ir longe na competição. “Nosso objetivo é a A-3”, decretou o presidente Breno Casari.

Oswaldo Cruz – Rebaixado da Série A-3 no ano passado, o time não disputa a Segundona desde 2005, quando sagrou-se vice-campeão. Desta vez, o time recebeu dinheiro de investidores e não quer passar mais de um ano na última divisão. Para isso, contratou o exigente técnico Carlos Spinoza, que tem passagens pelo futebol gaúcho, chinês, equatoriano e do interior de São Paulo.

Presidente Prudente – Mais modesto que o outro time da cidade, o PPFC montou sua base com jogadores da própria cidade e da região. Segundo o presidente Roque Grosso, a ideia não é ganhar dinheiro com o futebol. “Nossa função social é abrir oportunidades para os jovens da cidade e da região para termos um comprometimento e levarmos a torcida ao estádio”, disse.

Tupã – China é um técnico rodado. Depois de um acesso com o Atlético Araçatuba e um título com o Votuporanguense em 2012, topou assumir o Tupã e aposta na experiência para levar o time adiante – no caso, menos veteranos e mais atletas que já jogaram a Segundona. Para ele, conhecer o caminho das pedras pode ajudar no acesso. É um time a ser observado. (JS)

GRUPO 3

Internacional de Bebedouro – A novidade da Internacional é o programa de sócios torcedores. Os interessados podem pagar a mensalidade de R$ 50 e assistir os jogos do Lobo das cadeiras cativas do estádio Sócrates Stamato.

Taquaritinga – Pior time do estado em 2012, o CAT promete vida nova nesta temporada. O clube contratou o experiente técnico Wilson Carrasco para comandar o elenco.

Guariba – O principal destaque da Cobra Canavieira é o lateral esquerdo Leandro Tanaka, artilheiro do Mirassol no Brasileiro da Série D em 2011.

José Bonifácio – A Serpente do Vale aposta no técnico Carlinhos para conseguir o acesso. A torcida promete transformar o estádio Pereirão em um autêntico alçapão.

Olímpia – São 17 jogadores que formam o elenco do Galo Azul para esta temporada. Todos serão comandados pelo técnico Valter Ferreira, ex- técnico do CENE do Mato Grosso do Sul.

Matonense – Diversos jogadores utilizados pela Francana na Série A-3 deste ano serão aproveitados pela Matonense – caso de Diego Bife, Jadson, Guilherme, Levi e João Gabriel. A Águia Azul funcionará como uma filial da Veterana. (MT)

GRUPO 4

Américo – A principal novidade da agremiação é o técnico Anísio Menezes, profissional que foi auxiliar do ex-jogador Fernando Diniz no Votoraty e Atlético Sorocaba.

Paulistinha – Com objetivo de revelar jovens atletas, o tricolor são-carlense reestreia nas competições profissionais da Federação Paulista. A curiosidade é o inusitado mascote do time: o personagem Tio Patinhas.

Palmeirinha – Com diversos problemas financeiros, o alviverde disputa a quarta divisão para manter-se vivo. Uma classificação para a segunda fase seria um grande resultado.

kazu-juventus
Em 2011, Kazu esteve no Juventus e no Santos para receber homenagens. Agora, é cotado para defender o XV de Jaú. Se vier, o visual ele garante.

Pirassununguense – A boa campanha do clube no Paulista sub-20 do ano passado e a parceria com a empresa Salto Sports trouxeram um elenco forte para o CAP. O Gigante do Vale promete brigar pelo acesso.

Radium – No segundo semestre de 2012, o Verdão da Mogiana realizou uma bem sucedida excursão a Coreia do Sul. A novidade é o atacante Trevor, que veio do Kasetsart University da Tailândia.

XV de Jaú – O tradicional Galo da Comarca quer o acesso para a Série A-3. Para alcançar este objetivo, o clube tem tentado a contratação de um antigo ídolo: o japonês Kazuyoshi Miura, o Kazu, que tem 46 anos (!!!) e atuou na equipe na década de 80. Porém, a informação não foi confirmada até o fechamento desta edição. (MT)

GRUPO 5

Elosport – A novidade do time de Capão Bonito é não ter novidade. Pelo menos no comando técnico: o treinador Luis Carlos Vilela foi confirmado no cargo e completará seu oitavo ano consecutivo no clube. Se cuida, Ferguson!

Osasco – Em entrevista recente ao site da FPF, o coordenador de futebol Maercio Zeferino revelou que o time está perto de fazer uma parceria com as categorias de base do Barcelona. Nem é preciso dizer que a principal aposta do time osasquense na Segundona é revelar os talentos em casa, né? Se cuida, Xavi!

Desportivo Brasil – Com apenas 18 anos, o meio-campo Lucas Evangelista pode ser o craque do time. Ele surgiu muito cedo ao ser pivô de uma disputa com o São Paulo, mas o Desportivo resolveu investir alto e até já levou o garoto para treinar no Manchester United. Agora ele está no profissional e vai disputar a Segundona.

sergio-taboao
Sérgio, ex-goleiro do Palmeiras, estava aposentado, mas aceitou o cargo de goleiro-conselheiro do Taboão da Serra.

Cotia – A entrada do time na Segundona foi cercada de problemas e aconteceu de forma tardia. Tanto que a FPF já tinha divulgado a tabela quando resolveu incluir o Cotia e mais dois times – Guariba e Taboão da Serra – obrigando todos clubes a mudarem seus planejamentos e adversários.

Taboão da Serra – Outro time que entrou em cima da hora na Segundona, o Taboão tem ainda uma grande novidade: contratou o goleiro Sérgio, ex-Palmeiras, que atualmente está perto de completar os 43 anos. A intenção é utilizá-lo como goleiro, mas também como conselheiro extra-campo. (AB)

GRUPO 6

AD Guarulhos – O time da Grande São Paulo manteve diversos atletas que atuaram no ano passado. A classificação para a segunda fase é vista como um resultado aceitável.

Nacional – A parceria com o grupo Know How trouxe jogadores experientes para a agremiação. O técnico Toninho Moura possui história no Naça. Em 1994, o treinador dirigiu a equipe que foi campeã na Série A-3 do Paulista.

Primavera – O Fantasma da Ituana quer voar alto em 2013. O clube conseguiu a liberação do estádio Ítalo Mário Limongi, que permaneceu fechado na temporada fechada.

SEV Hortolândia – Desde 2010 sem disputar a competição, o time de Hortolândia tem objetivos modestos. De acordo com o secretário de Esporte e Recreação, Nei Fuzetti, o objetivo é criar identidade com os moradores da cidade. Para isso, trouxe jogadores no amador da cidade e cidades vizinhas.

Atibaia – A surpreendente campanha na última Copa São Paulo, quando caiu nas oitavas para o Cruzeiro, faz o torcedor ficar animado e ansioso. Agora, a intenção é superar a melhor campanha de sua história no torneio, registrada em 2007, quando chegou a terceira fase. O técnico é o mesmo da Copinha: Alberto Felix.

Sumaré – Em março deste ano, a página oficial do time no Facebook anunciou uma parceria com o Palmeiras para a Segundona. No entanto, nada foi esclarecido e não há notícias da chegada de atletas do time da capital, nem da finada equipe B, rebaixada na Série A-3 deste ano. É esperar para ver. (MT/JS)

GRUPO 7

Manthiqueira – Adepto do futebol fair play, o time aposta na base para melhorar a campanha do ano passado, a segunda de sua história, quando caiu na segunda fase. Para isso, manteve 13 atletas daquela campanha, além da treinadora Nilmara Alves, única mulher do país nesta função.

Atlético Mogi – Sem muito dinheiro, a equipe demorou para começar a sua preparação (duas semanas antes da estreia) e não conta com atletas badalados. Entre os mais experientes está Ramires, que obviamente não é o do Chelsea, mas é volante e foi revelado pelo Santos no começo do século, antes de rodar por mais de 15 clubes país afora.

ECUS Suzano – A grande novidade para este ano é a contratação do meia colombiano Bismar Córdoba, de apenas 21 anos, que foi revelado pelo Envigado-COL e diz ser fã de Ronaldinho Gaúcho. Outro destaque é o atacante Diego Gama, que acumula passagens pelo futebol de Portugal, Vietnã, Bolívia e Cingapura.

União Mogi – Em seu centenário, os reforços não estão em campo, mas fora dele. É o caso de Amaral (ex-Guarani, Corinthians e Brasil, anos 70 e 80), Edu (ex-Santos e Brasil, anos 60 e 70) e Nelsinho Kerchner (ex-São Paulo, anos 80 e 90), que ocupam cargos diretivos. Em campo, a equipe tenta regularizar o chinês Zhang Zheng Yao, já devidamente apelidado de “Zizao caipira”.

Jacareí – O elenco já está pronto, com remanescentes do ano passado e reforços das séries A-2 e A-3. Por outro lado, o Jacareí ainda não definiu o… técnico! Por isso, o time deve estrear sob comando de um interino, o que não parece ser problema para o presidente Iedson Pereira da Silva, que está em busca de um treinador “mais qualificado para a nossa filosofia”. Então tá, né?

União Suzano – Em dezembro passado, o USAC excursionou pela Bolívia e de lá trouxe quatro vitórias e um empate. Agora, encerra sua preparação em um amistoso com o time sub-20 do Santos, no Dia do Trabalho. Quanto aos reforços, o destaque é o retorno do goleiro Yuri, que já foi pauta aqui, e está de volta após passagem pelo Corinthians-RN. (JS)

GRUPO 8

AA Portuguesa – Depois de muitos anos, pode-se dizer que, enfim, a Briosa é favorita ao acesso. Isso porque o time fechou uma parceria que lhe rendeu algumas peças importantes do São Vicente, vice no ano passado, além do experiente zagueiro Preto (ex-Santos) e da promessa Stanly, atacante emprestado pelo São Paulo.

Água Santa EC – Talvez a história mais bonita do torneio: fundado por migrantes há 30 anos, o time de Diadema teve trajetória vitoriosa na várzea e agora estreia no profissional. Por isso, o grande trunfo é a torcida, que costuma lotar os jogos. Para o presidente Marcos Bocatto, que trouxe Capitão (ex-Lusa) para ser gerente, o objetivo é terminar entre os quatro. A conferir.

EC São Bernardo – Nem boa campanha, nem acesso. O objetivo do time do ABC é o título da Segundona. Para o técnico Julio César, o espelho é a própria categoria de base. “A exemplo do sub-20, que em 2011 conseguiu o título (da segunda divisão do Paulista da categoria), quero fazer o mesmo com o profissional”, afirmou.

Estreando no futebol profissional, o CA Diadema escolheu Ataliba (centro) para liderar a equipe. União é que não falta, como mostra a foto.
Estreando no futebol profissional, o CA Diadema escolheu Ataliba (centro) para liderar a equipe. União é que não falta, como mostra a foto.

CA Diadema – Ataliba, que fez história no Corinthians, é o técnico do time bancado por uma empresa de cartões de benefícios. Nos últimos três anos, o ex-jogador vinha trabalhando nas categorias de base do clube, o que pode facilitar a montagem da equipe, que estreia no futebol profissional.

Jabaquara – A missão de comandar o Jabuca está nas mãos de Axel, ex-volante do São Paulo nas décadas de 90 e 2000. O fato dele conhecer o time sub-20, do qual era técnico até então, pode facilitar o trabalho, já que o regulamento só permite a inscrição de três atletas acima dos 23 anos.

Mauaense – Depois de mais de três anos servindo como time B do São Bernardo FC, a equipe viu a parceria acabar e agora vai apostar na base. Anderson Gindre, artilheiro do Paulista Sub-20 em 2012, é uma das apostas, assim como o lateral Thiago e o meia William McLaren, de apenas 16 anos, cujos vídeos postados na web o levaram para testes no inglês Liverpool. (JS)

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...