O mala-sem-alça mais querido do Brasil

0 106

Publicidade

Torcedor de futebol sabe ser chato quando quer. E quando quer, incomoda jogador, treinador, dirigente, jornalista, adversários e até mesmo torcedores do mesmo time. No entanto, nenhum torcedor do Brasil sabe ser chato como Zé do Rádio, fanático pelo Sport, que ficou tão conhecido por sua chatice – e por seu rádio – que foi até mesmo parar no Livro dos Recordes.

Essa fera aí (Foto: Reprodução)
Essa fera aí (Foto: Reprodução)

Ivaldo Firmino dos Santos, o Zé do Rádio, nasceu em 1945 – calcula-se, já que não achamos aqui a idade da figura – e seguiu carreira militar. Segundo sua página na Wikipedia (sim, ele tem uma), passou a torcer pelo Sport em 1972, já que passava sempre pelas redondezas da Ilha do Retiro. Nesta época, porém, o amor pelo Sport precisou dividir o coração com a namorada e… Com o Náutico.

Mais uma vez, quem afirma é a Wikipedia. “Zé do Rádio foi torcedor do Náutico por um ano, três meses e 28 dias – tempo que durou seu namoro – apenas para conquistar seu sogro, o professor de música Miguel Barkokebas, e casar com Deomiyrza Barkokeba dos Santos, com quem ainda vive nos dias de hoje. Zé do Rádio temia que Barkokebas, alvirrubro alucinado, proibisse o seu namoro pelo fato de ser rubro-negro”, diz a página.

Casado e aposentado, Ivaldo ficou famoso em 18 de agosto de 1999, em virtude de um jogo Sport x Portuguesa pelo Campeonato Brasileiro, realizado na Ilha do Retiro e vencido pelo time pernambucano por 1 a 0. Na ocasião, Zagallo – então técnico da Portuguesa – se irritou com um torcedor que sentava atrás do banco de reservas rubro-verde com um grande e potente rádio.


Seria muito frustrante procurar um vídeo desses e não achar…
 

Seria mais um torcedor chato do Brasil, se Zagallo não reclamasse em meio a uma edição do programa Super Técnico, da Rede Bandeirantes. O assunto era uma banda que tocava no Estádio Independência, em Belo Horizonte, e que atrapalharia os treinadores. O técnico da Portuguesa rapidamente respondeu: “pior é um torcedor lá no Recife”. Pronto, foi o suficiente para transformar Zé do Rádio em um nome conhecido nacionalmente.

“Ele pediu para eu baixar o rádio. Aí eu disse que (o correto) não é ‘baixar’, é ‘diminuir’ o volume. Mas eu abaixei. Coloquei o rádio no chão, mas aumentei ainda mais o som (…). Ainda falei que ele teria que me engolir. Eu e meu rádio”, contou Zé do Rádio, já com o famoso apelido, em entrevista de 1999 ao Jornal do Commércio.

Desde então, Zé do Rádio passou a ser figura presente nos jogos do Sport. Junte dele, seu rádio – um General Eletric de 1961, pesando 5 kg e capaz de capturar oito faixas, que, segundo o dono, pega “rádios do mundo inteiro”. Nomes como Luiz Felipe Scolari, Vanderlei Luxemburgo e Ricardo Gomes também passaram por suas provocações.

MG_1012_zedoradio_siteNo entanto, nem tudo foi festa na vida de Zé do Rádio nos anos seguintes. Em 2002, o folclórico torcedor precisou se submeter a um transplante de coração, depois de cinco meses na fila de espera. “Só quem passa por uma situação como a minha, sabe a importância desse gesto. Só estou vivo graças ao transplante”, conta o torcedor – hoje, presença constante em campanhas de incentivo à doação de órgãos em Pernambuco (foto).

Deu tudo certo, e Zé do Rádio pôde continuar acompanhando o Sport. A recompensa veio em dezembro de 2006, quando entrou no Guiness Book como o torcedor mais chato do mundo. Virou parte do folclore do futebol nacional. E tudo graças à troca de provocações com Zagallo, naquele dia 18 de agosto de 1999.

“Meu sonho é, um dia, conhecer e abraçar Zagallo. E agradecer tudo o que ele fez pra minha família”, disse Zé do Rádio em 2011. Na manhã do dia 21 de maio de 2015, faleceu no Recife, vítima de problemas cardiorrespiratórios.

Carisma que é, Zé do Rádio virou boneco gigante no Carnaval de Olinda em 2013 (Foto: Felipe Ferreira/Especial para Terra)
Carismático que é, Zé do Rádio virou até mesmo boneco gigante que desfila com frequência no Carnaval de Olinda (Foto: Felipe Ferreira/Especial para Terra)
Você pode gostar também
Comentários
Carregando...