Mudança de nome, clube-empresa e o retorno do Tubarão para a Série A do Catarinense

0 377

Nós já contamos aqui a história de como os torcedores da cidade de Tubarão (SC) mudaram o nome do Cidade Azul e também como o time tem um projeto um tanto quanto audacioso de se tornar um dos 40 maiores clubes do país até 2025. Pois neste fim de semana, o Clube Atlético Tubarão deu mais um passo rumo ao objetivo.

No último domingo, dia 13, ocorreu a última rodada da fase classificatória do Campeonato Catarinense da série B. O time do sul do estado terminou líder e garantiu o acesso à elite do futebol catarinense no ano de 2017. Com a vitória no domingo contra o vice-líder Almirante Barroso por 2 a 0, a equipe garantiu o direito de decidir em casa o título da série B.

Zagueiro Aldo comemora o primeiro gol na carreira e o segundo da equipe contra o Almirante Barroso (catubarao.com.br)
Zagueiro Aldo comemora o primeiro gol na carreira e o segundo da equipe contra o Almirante Barroso (catubarao.com.br)

A campanha foi quase irretocável na primeira fase. Em 18 partidas, a equipe venceu 13, empatou duas e perdeu três, ficando com um aproveitamento de 75.9%. O clube terminou a fase classificatória com o melhor ataque (35 gols feitos) e a segunda melhor defesa (12 gols sofridos), atrás apenas do Almirante Barroso (11 gols sofridos). O retrospecto é bastante positivo, tendo vencido oito partidas seguidas, uma delas uma goleada por 9 a 1, diante do Porto (que acabou rebaixado). A equipe ainda tem o artilheiro da competição: o atacante Brasão (que já apareceu por aqui no nosso Mercadão Alternativo) anotou 12 gols na primeira fase.

Claro que para coroar essa nova fase, só faltava o título… que não veio. Na final da competição, Almirante Barroso levou a melhor, ganhando de 3 a 1 em Itajaí e perdendo de 1 a 0 em Tubarão.

Mesmo assim, Tubarão voltará à elite do estadual em 2017. A equipe, fundada em 2005 com o nome de Cidade Azul, tinha disputado a série A do Catarinense pela última vez em 2009, quando foi rebaixada, já com o atual nome.

Torcedor celebra acesso à Série A do Campeonato Catarinense (catubarao.com.br)
Torcedor celebra acesso à Série A do Campeonato Catarinense (catubarao.com.br)

Primeiro clube startup do país

Em 2015, uma parceria com a empresa K2 Soccer S/A iniciou um projeto inovador, com foco na qualificação, para modernizar e estruturar todos os setores do clube. A união visa preservar receitas para a equipe e potencializar a capacidade de investimento no futebol, fomentando a profissionalização e a busca por novos negócios.

Dessa forma, o time virou empresa (Clube Atlético Tubarão SPE LTDA) e foi incubado na Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul), se tornando o primeiro clube startup do Brasil. A parceria tem previsão de duração de 20 anos e o propósito de fazer o Tubarão crescer a ponto de se tornar um exemplo nacional de governança e gestão esportiva.

Clube também faz bonito na base

Para se tornar grande, uma equipe não depende apenas de resultados no profissional. As categorias de base se tornam de suma importância para o crescimento do clube. Ciente disto, o ‘Tubarãozinho’, como é chamado o time júnior da equipe, representou bem as cores da cidade e garantiu a 6ª colocação na primeira divisão do estadual de base, vencendo na última rodada a equipe do Figueirense por 3 a 2. O Tubarão terminou a competição atrás apenas dos grandes clubes de Santa Catarina: Criciúma, Chapecoense, Avaí, Joinville e o próprio Figueirense.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...