Memórias internacionais de um Re-Pa no Suriname

A taça da Copa Verde almejada por Remo e Paysandu
0 297

Você já viu aqui, no Última Divisão, que existem pelo menos 7 motivos para acompanhar a Copa Verde de 2014. Mas o andamento da competição gerou um oitavo motivo: no ano em que completam 100 anos de rivalidade, Paysandu e Remo voltaram a se enfrentar, agora pela semifinal de um campeonato regional, o que manteve a marca de clássico mais disputado no mundo – 722 vezes até agora.

Neste domingo (23), pela Copa Verde, o Paysandu eliminou o maior rival ao empatar a segunda partida das semifinais em 0 a 0 – a ida havia sido 1 a 0. A partida aconteceu na capital paraense Belém, mas já houve oportunidades em que os dois se enfrentaram até mesmo fora do Brasil. Por mais estranho que possa parecer, a primeira delas aconteceu no… Suriname!

Fefeu fez o gol do Paysandu em Suriname
Fefeu fez o gol do Paysandu em Suriname

Era 3 de fevereiro de 1977 e os times do Pará se enfrentaram pelo Torneio Internacional de Paramaribo. A proximidade física com o Pará motivou o convite para os times participarem da competição amistosa no Suriname, país com forte identidade com o futebol e pátria-mãe de alguns grandes jogadores como Edgar Davids e Clarence Seedorf, radicados na Holanda posteriormente.

Remo e Paysandu se enfrentaram no Suriname Stadium. O primeiro Re-Pa internacional terminou sem vencedor – empate por 1 a 1, com gols de Mêgo e Fefeu – e teve uma curiosidade: o técnico do Remo era o surinamês François Thyn, ex-goleiro da equipe. Existem poucas informações sobre a partida, inclusive porque os jogadores relatam que o estádio estava vazio. “Não havia público. O estádio era um silêncio só. Perdia até para dias de treinamentos do nosso time no Baenão”, afirmou o ex-lateral-direito Mario Assunção, ao Portal ORM.

O Torneio Internacional de Paramaribo aconteceu mais duas vezes, também com equilíbrio – o Remo foi campeão em 1984, e o Paysandu deu o troco em 2011.

Já pelas semifinais da Copa Verde, o primeiro Re-Pa terminou em 1 a 0 para o Papão, com gol de Héverton, o pivô do Caso Lusa (que dessa vez não foi escalado de forma irregular). O tento acabou sendo determinante no resultado final, já que as duas equipes empataram sem gols na volta. Agora, o Papão enfrentará Brasília, que derrotou o Brasiliense por 3-2 no placar agregado, para seguir alimentando o sonho de voltar a disputar uma competição internacional em 2015. Será que consegue?

Paysandu comemora título após vitória contra o Remo, em 2011
Paysandu comemora título após vitória contra o Remo, em 2011

*Atualizado em 28 de março de 2014 com o resultado da partida entre Brasiliense x Brasília, pela Copa Verde. Na ida, o Brasiliense venceu fora de casa por 2-0, mas na volta recebeu o troco e perdeu por 3-0, resultado que garantiu o Brasília na final contra o Paysandu.

 

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...