Melhores jogadores dos piores times do Brasileirão 2013

0 180

Acabou o Campeonato Brasileiro e chegou a hora de eleger os melhores jogadores da competição. Porém, essas votações costumam ter um “preconceito” contra atletas de times que foram mal. Esquecem deles. É como se o fracasso da equipe indicasse que não há bons jogadores ali. Mentira!

O Última Divisão gosta de enxergar o futebol de uma maneira diferente e por isso fez a lista abaixo. Apesar da má companhia, existem jogadores que se destacaram entre as piores equipes, aquelas que lutaram contra o rebaixamento até a última rodada.

Veja o top 10 dos melhores jogadores dos piores times:

10º – Roberto (Ponte Preta)

Goleiros sempre são mais exigidos nos momentos de crise. Alguns pipocam e ficam queimados. Outros aproveitam para se destacar debaixo das traves e até nas entrevistas. Roberto fez tudo isso e mais um pouco.

Boa fase de Fabrício obrigou Kleber a sair do Inter em 2014
Boa fase de Fabrício obrigou Kleber a sair do Inter em 2014

9º – Fabricio (Internacional)

Sempre mostrou bom futebol, mas sofreu com a concorrência de Kléber. Chegou a ser usado no meio-campo para deixar o veterano jogar na lateral, mas com o tempo ele mesmo se firmou em sua posição original. Tem, velocidade, boa chegada ao ataque e finalização.

8º – Gilberto (Portuguesa)

Chegou com desconfiança, por ter ido mal no Inter, mas mostrou suas qualidades: chuta forte, sabe se posicionar e tem bom cabeceio. É limitado, mas tem personalidade e fez 14 gols, sendo vários deles em jogos importantes e contra times grandes.

Uendel evoluiu ou é só um jogador que sente a pressão de jogar em times grandes, como fez no Grêmio?
Uendel evoluiu ou é só daqueles que sente a pressão em times grandes, como no Grêmio?

7º – Uendel (Ponte Preta)

Ele já teve outras chances importantes, mas nunca deu certo de verdade. Agora se recuperou na Ponte Preta, exibindo velocidade e habilidade. Deve receber nova oportunidade em clubes maiores e terá que provar que não é o típico jogador de time pequeno.

6º – Bruno Henrique (Portuguesa)

Foi um grande achado da Portuguesa, já que atualmente qualquer time precisa de volantes que saibam surpreender na chegada ao ataque. O problema é que ele pertence ao Londrina e não deve ficar em 2014.

top6
Marlone corre risco de virar reserva no Cruzeiro

5º – Marlone (Vasco)

Em momentos de crise, é comum os times apelarem para as categorias de base. Isso não costuma dar certo, mas Marlone foi uma das melhores revelações do campeonato, com muita técnica, principalmente para chutes. Vai ter dura concorrência no Cruzeiro, mas pode se firmar

4º – Lins (Criciúma)

Não é exatamente uma revelação, mas só agora Lins mostrou para o Brasil o potencial apresentado em times do interior paulista. Jogando aberto na ponta direita, elefez 11 gols e mostrou habilidade para dar trabalho a qualquer defesa no País.

3º – Diego Cavalieri (Fluminense)

top8
Não basta um grande goleiro para se salvar de um grande vexame

Ele foi irregular no começo, mas na reta final virou um gigante. Se não fosse por ele, com certeza o Fluminense teria sido rebaixado antes da Ponte Preta

2º – Alex (Coritiba)

Foi responsável por colocar o Coritiba na liderança. Sofreu contusões e por isso o time despencou na tabela, a ponto de ter que lutar contra o rebaixamento até o fim. Quando Alex voltou a jogar, ainda machucado, foi importante para vencer a luta contra a degola.

1º – D’Alessandro (Internacional)

Bastava assistir um jogo do Inter para perceber: ele tinha que jogar para o time inteiro, armar e concluir, marcar e atacar, driblar e fazer gol. Enfim, tinha que fazer tudo. E fez com brilhantismo: marcou 11 gols, deu 9 assistências, foi quem mais acertou passes e tem aparecido até nas listas de quem só contempla os melhores times.

top10
Internacional 2013 era praticamente o time de um jogador só

Existem vários outros jogadores de qualidade. Vale fazer uma citação honrosa a eles para provar que times ruins podem mesmo ter qualidades escondidas: Muriel, Otávio (Internacional), Diogo, Luis Ricardo, Moisés (Portuguesa), Rildo, Fellipe Bastos (Ponte Preta), Raul (Bahia), Matheus Ferraz (Criciúma), Vanderlei (Coritiba), Willie (Vasco), Biro-Biro (Fluminense) e Rogério (Náutico).

Discordem e acrescentem nomes à vontade!

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...