Giro UD #24: Pelé, futebol turco, goleadas do Atlético-MG (no mesmo dia) e mais

Imagem: Twitter.com/Pele
0 64

Oi, tudo bem? Continua em casa, se cuidando, longe do coronavírus?

Chegamos aqui a mais uma edição do Giro UD, reunindo aqui o que encontramos de mais legal nos últimos dias. O objetivo é sempre oferecer um material de qualidade para te entreter.

E não é por nada, mas a edição desta semana está bem legal!

Leia também:

Desta vez, temos a volta (que não rolou) de Alan Kardec ao Palmeiras, um desentendimento de Pelé com a Cinemateca Brasileira, o equilíbrio no futebol turco, um dia com dois jogos (e dez gols) do Atlético-MG e a morte prematura de Clébson, do Vasco, em 2001.

Confira:

Alan Kardec não deixou o torcedor do Palmeiras muito contente ao trocar o clube pelo São Paulo em 2014. Em 2019, no entanto, o atacante esteve perto de um retorno em 2019, e afirma que retornaria sem problemas. Entrevista muito boa a Fabricio Crepaldi e Felipe Zito, no Globoesporte.com.

-U-D-

A Roquette Pinto, organização que administra a Cinemateca Brasileira, em São Paulo, pediu ajuda a Pelé para solucionar a crise administrativa pela qual passa a instituição. Embora a cinemateca tenha um considerável acervo sobre o Rei, ele não quis se envolverno assunto. Da coluna Painel, na Folha de S.Paulo (para assinantes).

-U-D-

A Super Lig, primeira divisão turca, entra na reta final esbanjando equilíbrio: a oito rodadas do fim, oito pontos separam o Istanbul Basaksehir (líder) do Galatasaray (quarto colocado). No site da Rede TV!, canal que transmite a competição, Marcelo do Ó mostra que não é só um vozeirão, mas também bom com as palavas.

-U-D-

Em 23 de junho de 1981, o Atlético-MG enfrentou a seleção da Colômbia no Mineirão e goleou por 6 a 1. Impressionou? Mas calma: no mesmo dia, com um time repleto de reservas, o Galo goleou o Democrata de Governador Valadares pelo Campeonato Mineiro por 4 a 0. O Alexandre Simões relembra este dia cheio de gols no Hoje em Dia.

-U-D-

Clébson era um lateral direito em ascensão no Vasco da Gama, mas morreu em 2001, aos 22 anos, em um acidente de trânsito. No UOL, Gabriel Carneiro e Vanderlei Lima relembram a breve e marcante história do jogador.