Giro UD #11: bola rolando, futebol parado e o Paysandu de 2003

(Imagem: Olga Lionart/Pixabay)
79

Você percebeu que a pandemia do novo coronavírus afetou profundamente a cobertura esportiva ao redor do mundo.

Por um lado, diversos veículos perderam espaço para dar espaços a notícias da Covid-19, entre avanços nas buscas por uma cura e más notícias a respeito de casos confirmados e mortes.

Por outro lado, quem está firme na cobertura esportiva tem se desdobrado. Não apenas para acompanhar o noticiário ligado ao vírus, mas também para contar boas histórias neste momento.

Leia também:

E é sobre isso que fala o Giro UD desta semana: a cobertura esportiva sobre o coronavírus e as boas histórias que o pessoal tem contado por aí. Confira:

-U-D-

O mundo do futebol parou, certo? Que nada. No jornal espanhol Mundo Deportivo, Imma Mentruit conta como a bola segue rolando na Bielorrússia, na Nicarágua, no Burundi, em Mianmar, em Cingapura, no Turcomenistão e em Hong Kong durante a pandemia. Ainda na Espanha, Jorge Castro conta no AS conta como os clubes se rebelaram e seguiram jogando, a despeito das intenções da federação local.

-U-D-

Enquanto o mundo convive com o coronavírus e espera o futebol voltar, os pesquisadores do Centro de Referência do Futebol Brasil (CRFB), do Museu do Futebol (São Paulo), lembraram outros motivos que já nos deixaram por algum tempo sem o esporte mais amado do planeta – como guerras e epidemias.

-U-D-

E para desanuviar um pouco esse ambiente pesado, uma história bem legal. Você se lembra da vitória do Paysandu sobre o Boca Juniors na Libertadores de 2003? O Papão teve uma recepção de gala na volta em Belém, que acabou ofuscada por três “intrusos” no hotel  no hotel da delegação: a banda KLB. No UOL, o Brunno Carvalho conta a história.

Comments