Atlético-MG, sinta-se vingado por um time de Guiné

0 49

A notícia não se espalhou como deveria, mas com cereza importa muito para os atleticanos de Minas Gerais: o Raja Casablanca foi surpreendido neste final de semana e passou um vexame na Liga dos Campeões da África – caiu eliminado diante de um time de Guiné, o Horoya.

O Raja parecia estar pronto para mostrar a força tão bem conhecida pelo Atlético-MG. No primeira fase da competição, venceu por 8 a 1 no placar agregado. É verdade que a vitória veio contra um time de Serra Leoa, o Diamond Stars, mas o adversário seguinte era do mesmo nível. E mesmo assim aconteceu a zebra…

Horoya forte e vingador
Horoya forte e vingador

Em casa, o Horoya venceu o Raja por 1 a 0, que devolveu o mesmo placar no jogo de volta, disputado neste domingo. Então a decisão foi para os pênaltis. O goleiro N’Diaye fez três defesas e afundou o Raja precocemente.

Com a vitória, o Horoya já virou uma das sensações da Liga dos Campeões da África. É um time com força nacional, que já faturou 12 títulos em Guiné, inclusive em 2013. Mas tem apenas uma conquista continental (Copa Africana, em 1978) e só três participações na Liga dos Campeões, sem nunca ter ido tão longe.

Nas oitavas de final o Horoya vai enfrentar o tunisiano Sfaxien, em busca de vaga na fase de gupos. É outro mata-mata complicado, mas agora certamente o time de Guiné contará com a torcida de milhares de atleticanos.

Veja os gols da eliminação do Raja Casablanca:

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...