Quem é o tal Zalgiris Vilnius que está no Brasil em pré-temporada?

0 235

zalgiris-vilniusAlém do badalado Shakhtar Donetsk, outro clube do leste europeu escolheu o Brasil para realizar sua pré-temporada neste início de 2015: o desconhecido Zalgiris Vilnius, da Lituânia. O clube, ao contrário do time ucraniano, chega sem muito alarde para disputar um torneio amistoso em Brasília-DF e quatro partidas preparatórias em Recife-PE, Erechim-RS, Caxias do Sul-RS e Goiânia-GO.

Ok, o futebol lituano nunca conseguiu nada relevante e talvez seja um dos menos desenvolvidos entre seus vizinhos (o país faz fronteira com Letônia ao norte, Bielorrússia a sudoeste, Polônia a sul e parte do território russo — Kalingrado, ex-Prussia — a sudoeste). Mas se engana quem pensa que o tal Zalgiris Vilnius é um time inexpressivo por completo.

Na Lituânia, o Zalgiris é “apenas” o atual bicampeão do campeonato nacional e tricampeão da copa do país. Mais: disputou as fases preliminares da Liga dos Campeões pela primeira vez no ano passado e agora disputará novamente, motivo que, também, justifica sua vinda ao Brasil. Diante disso, o Última Divisão preparou um breve perfil do time, que enfrentará Gama-DF, Goiás, Santa Cruz-PE, Ypiranga-RS, Caxias-RS e Vila Nova-GO naquela que promete ser uma das digressões mais alternativas dos últimos anos no Brasil.

História & Títulos

Fundado em 1947, o Zalgiris Vilnius acumula cinco títulos da primeira divisão lituana, sendo três deles conquistados nos anos 90 (1991, 1992 e 1999) e dois nos últimos anos (2013 e 2014). Entre 1947 e 1989, o time disputou o campeonato da antiga União Soviética (URSS), tendo conseguido a melhor posição de sua história — um terceiro lugar — em 1987. Naquele ano, aliás, o time representou os soviéticos nos Jogos Universitários de Verão (Universíades) e faturou a medalha de ouro no futebol ao vencer a Coreia do Sul.

Com a independência da Lituânia ao final da URSS, o Zalgiris passou a ser um dos principais times do novo país. Em 1991, ano em que conquistou seu primeiro de cinco campeonatos nacionais, o time também venceu a Copa da Lituânia, torneio conquistado oito vezes em sua história (1991, 1993, 1994, 1997, 2003, 2012, 2013 e 2014). Apesar da recente boa fase, que aponta para mais títulos nacionais nos próximos anos, a equipe verde e branca precisou superar uma grave tormenta para chegar até a calmaria atual.

Em 1999, o time passou por uma forte crise financeira que o obrigou a mudar de nome, tornando-se VMFD Zalgiris, seu nome atual. A mudança o relegou para a segunda divisão nacional daquele ano, quando terminou em segundo e conseguiu retornar a elite em 2010. Desde então, conquistou dois campeonatos nacionais, dois vice-campeonatos, três copas e uma supercopa.

Nas últimas três temporadas, período que coincide com sua mais recente fase gloriosa, o Zalgiris tem marcado presença nos principais torneios continentais. Em 2013/14, alcançou a fase playoff da Liga Europa após superar duas eliminatórias e só não chegou até a fase de grupos porque foi goleado pelo Red Bull Salzburg (Áustria) por 7-0 no agregado.

Nesta temporada que se inicia, o time lituano irá disputar pela segunda vez a segunda eliminatória da Liga dos Campeões, ainda contra adversário indefinido. As partidas de ida e volta serão disputadas em julho deste ano e o time espera ter melhor sorte, já que em 2014/15 foi derrotado pelo Dínamo de Zagreb (Croácia) por 4-0 no agregado. É essa experiência acumulada, somada a preparação no exterior, que o clube aposta suas fichas para seguir conquistando território na futebol da Europa.

Pitada de tempero brazuca

Em países pouco afeitos ao futebol como a Lituânia, onde o basquete é o esporte nacional, é bastante comum que jogadores brasileiros consigam cavar espaço e, em alguns casos, até fazer relativo sucesso. É o que vem acontecendo com o atacante Adi Rocha, tão desconhecido no Brasil quanto sua equipe, o que nos leva a crer que ele merece quase um capítulo a parte neste perfil.

adi_rocha_2Nascido em Riachão, pequeno município do sul do Maranhão, Adi Rocha Sobrinho Filho (foto) tornou-se jogador de futebol muito longe dali, em Limeira-SP, onde atuou pelas categorias de base do Internacional durante alguns anos. Em 2006, marcou gols decisivos nas partidas que eliminaram Palmeiras e Santos da Copa SP de Futebol Junior, quando a Inter caiu apenas nas oitavas-de-final para o Coritiba.

Já profissional, atuou sem destaque por Mirassol-SP e Nacional-SP (Série A2) antes de começar a se aventurar pelo mundo. Em 2007, foi negociado com a Áustria, onde defendeu LASK Linz e Austria Kärnten. A passagem chamou a atenção do Energie Cottbus da Alemanha, mas uma grave lesão no joelho deixou Adi praticamente dois anos sem sequência de jogos. Recuperado, topou recomeçar sua carreira na Romênia, onde ajudou o modesto Concordia Chiajna a escapar do rebaixamento e fechou o torneio como o artilheiro do time (8 gols em 15 jogos).

Resultado? Chamou a atenção do conhecido Steaua Bucaresti, que o contratou. Lá, voltou a se destacar e ajudou na conquista o título nacional da temporada 2012/13, tendo marcado 12 vezes em 26 jogos (0,56 gol/jogo). Na época seguinte, nova mudança, desta vez para o Japão. Pelo Gamba Osaka, Adi marcou 9 vezes em 13 jogos (0,69 gol/jogo) e, mais uma vez, colaborou para a conquista de um título, desta vez da J-League 2, a segunda divisão local.

Foi aí que Adi, aos 29 anos, chegou na Lituânia. Desde que acertou com o Zalgiris, em julho de 2014, atuou pouco, mas com eficiência: foram três jogos e três gols. Mesmo assim, tornou-se novamente campeão nacional, feito que espera repetir em 2015, desta vez como titular.

elivelto-zalgirisPara isso, contará com a ajuda de outro jogador brasileiro, recém-contratado (dezembro/2014) pelo Zalgiris. Elivelto Ribeiro Dantas (foto), 23 anos, atua como meia ofensivo e estava no também lituano Ekranas, onde foi destaque após atuar pela Cabofriense-RJ e pela base do Flamengo-RJ. Na recém-encerrada temporada, o jogador marcou 13 gols em 29 jogos, e a adaptação comprovada do atleta ao futebol local é a grande aposta do Zalgiris para o sucesso de seu novo reforço.

Partidas no Brasil

17 de janeiro (sábado), 17h – Granada Cup (saiba mais sobre o torneio)
Gama 2 x 0 Zalgiris Vilnius (Lituânia)
Bezerrão, Brasília-DF

20 de janeiro (terça-feira), 20h – Granada Cup (saiba mais sobre o torneio)
Goiás 2 x 0 Zalgiris Vilnius (Lituânia)
Bezerrão, Brasília-DF

22 de janeiro (quinta-feira), 20h – Amistoso (Taça Chico Science)
Santa Cruz-PE (10) 1 x 1 (11) Zalgiris Vilnius (Lituânia)
Arruda, Recife-PE

25 de janeiro (domingo), 17h – Amistoso
Ypiranga-RS x Zalgiris Vilnius (Lituânia) – CANCELADO
Colosso da Lagoa, Erechim-RS

28 de janeiro (quarta) – Amistoso
Caxias-RS x Zalgiris Vilnius (Lituânia) – CANCELADO
Centenário, Caxias do Sul-RS

01 de fevereiro (domingo), 10h – Amistoso
Vila Nova-GO 2 x 1 Zalgiris Vilnius (Lituânia)
OBA – Onésio Brasileiro Alvarenga, Goiânia-GO

zalgiris_braziltour

Momentos da pré-temporada

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...